Questo articolo è disponibile anche in: Italiano Espanhol Francês Português

Gentilissimo Padre Angelo gostaria que me ajudasse a aprofundir a palavra “carne” usada nas epístolas Paulinas,na carta aos Efésios São Paulo diz  “ninguém odeia a própria carne” ef 5, 21-33 e compreende a carne do cônjuge marido e mulher que são uma só carne.

Mas a palavra “carne”,ao contrário,na carta aos Gálatas fala dos pecados da carne Gal 5,16 

Alfredo  


Querido Alfredo,

A terminologia carne nas Sagradas Escrituras e mais precisamente em São Paulo tem diferentes significados.

1.Antes de mais nada se compreende o corpo vivo,feito de ossos ,de carne,de músculos e de sangue em oposição à realidade vegetal e simplesmente material.

Em si mesma ,indicando o corpo humano ,è realidade boa,criada por Deus.

2.As vezes significa a consanguinidade como por ex.: “Vamos vendê-lo aos Ismaelitas.Não tocaremos nele,afinal è nosso irmão,è nossa própria carne “ (Gn 37,27) 

3. Outra vezes carne está para todo o gênero humano,como por exemplo se diz Toda carne.

4.Muitas vezes com a terminologia carne ,como também carne e sangue indica a fraqueza, a fragilidade, a dependência e a caducidade do homem: “Reprimia sua ira muitas vezes,e não despertava todo o seu furor. Lembrava-se de que eles eram apenas carne,um vento que se vai,para nunca mais voltar.” (Sal 78,39) 

E também “ Bendito ès tu ,Simão ,filho de Jonas,porque não a carne e nem o sangue te revelaram,mas meu Pai que está no céu” (Mt 16,17)

5.Algumas outras vezes está a indicar o homem por inteiro, alma e corpo,como por exemplo : “Meu coração e minha carne exultam pelo Deus vivo” (Sl 84,3)

6.Em São Paulo carne tem todos estes significados.

Porém frequentemente assume um outro ,que é muito característico, no qual carne significa o homem no seu aspecto de pecador.

Carne,então è sinônimo de pecado,do que è hostil à Deus. Em Gálatas diz: “Além disso,as obras dos instintos egoístas são bem conhecidos: fornicação, impureza, libertinagem,idolatria,feitiçaria ,ódio, discórdia,ciúmes,ira,rivalidade,divisão,sectarismo,inveja,bebedeira,orgias e outras coisas semelhantes.Repito o que já disse:os que fazem tais coisas não herdarão o Reino de Deus” (Gl 5,19-21)

Assim também aos Efésios :”Antigamente também nós andávamos como eles,submetidos aos desejos da carne,obedecendo aos caprichos do instinto e da imaginação;como os outros,éramos por natureza,merecedores da ira de Deus.” ( Ef 2,3)

Neste sentido existe oposição entre as ações da carne e do espírito : “ De fato os desejos dos instintos egoístas estão em revolta contra Deus ,porque não se submetem à lei de Deus;e nem mesmo o podem,porque os que vivem segundo os instintos egoístas não podem agradar a Deus” (Rm 8,7-8)

7.Apesar de ser característico de Paulo este significado encontramos também em São João, quando Jesus diz: “ Quem nasce da carne è carne ,quem nasce do Espírito è espírito”(Jo 3,6).Porém, João para indicar a realidade do pecado,geralmente usa um outro termo, que è mundo.

Te saúdo, lembro de ti ao Senhor e te abençoo.

Padre Ângelo